Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.im.ufrrj.br:8080/jspui/handle/1235813/3376
Title: A Exposição Internacional do Rio de Janeiro de 1922. José Mariano Filho e sua reinvenção das tradições
Authors: Medeiros, Luana Ladislau
metadata.dc.contributor.advisor: Caldas, Marcos José de Araújo
metadata.dc.contributor.members: Caldas, Marcos José de Araújo
Keywords: Patrimônio
Exposição Internacional
José Mariano FIlho
Issue Date: 2014
Citation: MEDEIROS, Luana Ladislau. A Exposição Internacional do Rio de Janeiro de 1922. José Mariano Filho e sua reinvenção das tradições. 2014. 126 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em História)–Instituto Multidisciplinar, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Nova Iguaçu, 2014
Abstract: Este trabalho tem por objetivo traçar o processo de evolução da cidade do Rio de Janeiro no início do século XX, mostrando não somente as transformações espaciais como também as sociais, para, dentro desse processo identificar elementos que caracterizem uma busca pela identidade nacional e pelas tradições do país representadas na ideia de patrimônio histórico que, naquele momento, ainda estava sendo moldada. Utilizamos alguns dos discursos políticos de 1921 e 1922 que se referiam as obras, às mudanças, à tradição, à Exposição entre outros assuntos. Através desses discursos mostraremos a mentalidade não somente da elite política da época como também da nação que, representada por eles, deixava, ainda que minimamente, suas posturas impressas em movimentos e reivindicações populares e na busca por melhores condições de vida e moradia. A Exposição Internacional do Rio de Janeiro de 1922 foi escolhida como ponto de partida para essa identificação pois o evento foi organizado dentro desse contexto de debates acerca do que seria a tradição brasileira, o evento tinha por objetivo mostrar a evolução do país no que se referia a modernidade mas, ao mesmo tempo, foi realizado para comemoração do primeiro centenário de independência da nação, momento em que as tradições também seriam destacadas junto à história do país. Como personagem principal, destacamos José Mariano Filho, crítico das artes e arquitetura, que lutou pelo reconhecimento de uma tradição brasileira que talvez, e essa é a ideia que com tudo isso tentamos defender, ninguém conhecesse.
URI: http://repositorio.im.ufrrj.br:8080/jspui/handle/1235813/3376
Appears in Collections:Monografias do Curso de Licenciatura em História - IM

Se for cadastrado no RIMA, poderá receber informações por email.
Se ainda não tem uma conta, cadastre-se aqui!



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.