Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.im.ufrrj.br:8080/jspui/handle/1235813/3108
Title: Besouros da subfamília Scarabaeinae com indicadores de fragmentação florestal em paisagens agrícolas
Authors: Carvalho, Tayane Costa
metadata.dc.contributor.advisor: Uzêda, Mariella Camardelli
metadata.dc.contributor.members: Uzêda, Mariella Camardelli
Fernadez, Alexandra Pires
Nunes-Freitas, André Felippe
Keywords: Ecologia de paisagens
Uso do solo
Intensidades de manejo
Aspectos bióticos
Aspectos abióticos
Serviços ecossistêmicos
Scarabaeinae
Rola-bosta
Issue Date: 9-Jun-2016
Abstract: A substituição das áreas de floresta por sistemas produtivos com diferentes intensidades de manejo alteram a estrutura dos ecossistemas e, consequentemente, a sua funcionalidade, pois prejudicam comunidades de espécies e a provisão dos serviços ecossistêmicos por elas realizados. Um grupo que responde sensivelmente às diferentes intensidades de distúrbios na paisagem, bem como executam diversos serviços ecossistêmicos são os besouros da subfamília Scarabaeinae. O objetivo deste trabalho é avaliar a influência que as diferentes intensidades de manejo dos sistemas produtivos adjacentes a remanescentes florestais exercem sobre a estrutura da comunidade de besouros rola-bostas. O trabalho foi conduzido em oito conjuntos de “Floresta/Área Produtiva” na região da bacia Guapi-Macacu, RJ, Brasil. As áreas de floresta selecionadas apresentam diferentes tamanhos, e os sistemas produtivos são caracterizados por uso intensivo (agricultura), e uso extensivo (pastagem). Foram instalados três transectos em cada conjunto Floresta/Área Produtiva, estabelecendo oito armadilhas “pitfall” em cada um dos transectos, amostrando interior e borda florestal, e interior e borda da área produtiva, caracterizando, portanto, o gradiente da paisagem. A determinação dos grupos funcionais se deu em função do comportamento dos besouros em relação à realocação do recurso alimentar. Foi avaliada a beta diversidade das comunidades de escarabeíneos nas diferentes áreas estudadas, e construídos modelos lineares generalizados para explicar a composição das comunidades nessas áreas. Para ambas as análises foram utilizados parâmetros bióticos, determinados pela abundância de indivíduos e pela riqueza de espécies, e parâmetros abióticos, representados pelas métricas da paisagem, pela localização no transecto e pelo tipo de solo. Os resultados indicam que a abundância, a riqueza e a funcionalidade dos besouros rola-bostas são alteradas em função das diferentes intensidades de manejo das áreas produtivas, podendo prejudicar o provimento dos serviços ecossistêmicos na paisagem.
URI: http://repositorio.im.ufrrj.br:8080/jspui/handle/1235813/3108
Appears in Collections:TCC - Engenharia Florestal (Seropédica)

Se for cadastrado no RIMA, poderá receber informações por email.
Se ainda não tem uma conta, cadastre-se aqui!

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Monografia_Tayane Carvalho.pdf1,38 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.