Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.im.ufrrj.br:8080/jspui/handle/1235813/3015
Title: Avaliação de diferentes doses de condicionadores de solos, em condições de Rizotron, sobre a cultura do milho
Authors: Silva, Jardel Costa
metadata.dc.contributor.advisor: Berbara, Ricardo Luis Louro
metadata.dc.contributor.members: Berbara, Ricardo Luis Louro
Souza, Gilberto Ambrósio de
Pinto, Tatiana de Oliveira
Keywords: Bokashi
Biocarvão
Caatingueiro
Issue Date: 30-Nov-2015
Abstract: A agricultura, fundamental para sobrevivência do agricultor e do homem moderno, sempre precisou e continuará precisando de ferramentas que lhe ofereçam uma boa produção, gerando alimentos de qualidade, sem prejuízo ao meio ambiente, conservando os solos, mantendo os ecossistemas em equilíbrio, mitigando os problemas e maximizando a produção. A baixada fluminense é uma região que apresenta solos bastante arenosos, pobres em fertilidade e com baixo teor de matéria orgânica, haja vista a sua rápida decomposição e perda devido ao alto grau de intemperismo causado pela incidência de chuvas e altas temperaturas. Assim o uso de condicionadores de solo é indispensável para a manutenção da umidade do solo, matéria orgânica, nutrientes entre outros benefícios. O presente trabalho teve como objetivo observar o efeito de diferentes doses e formas de aplicação dos condicionadores de solos, biocarvão e bokashi, sob condições de Rizotron. Foram comparados os tratamentos: 1)amostra controle, 2) solo com biocarvão; 3) solo com bokashi; 4) solo incorporado com bokashi e biocarvão (dose 10 t/ha); 5) solo incorporado com bokashi e biocarvão (dose 20 t/ha); 6) solo com bokashi e biocarvão localizado (dose 10 t/ha); 5) solo com bokashi e biocarvão localizado (dose 20 t/ha). O milho var. Caatingueiro foi semeado em placas de rizotron (60cmx40cmx4cm), ao longo do ciclo foi acompanhado o crescimento radicular e foliar através de registros fotográficos. Aos 30 dias após a semeadura foram analisados a massa fresca de raiz, volume de raízes, massa fresca foliar e área foliar.Conclui-se que a mistura de biocarvão com bokashi foi o tratamento mais eficiente.
URI: http://repositorio.im.ufrrj.br:8080/jspui/handle/1235813/3015
Appears in Collections:TCC - Engenharia Florestal (Seropédica)

Se for cadastrado no RIMA, poderá receber informações por email.
Se ainda não tem uma conta, cadastre-se aqui!

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC JARDEL.pdf1,17 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.