Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.im.ufrrj.br:8080/jspui/handle/1235813/2985
Title: Restauração ecológica em áreas de restingas no Brasil: histórico, desafios e perspectivas
Authors: Dias, Bárbara de Paula Vasconcellos
metadata.dc.contributor.advisor: Leal, Luiz Roberto Zamith Coelho
metadata.dc.contributor.members: Leal, Luiz Roberto Zamith Coelho
Nunes-Freitas, André Felippe
Leles, Paulo Sérgio dos Santos
Keywords: Restinga
Restauração ecológica
Técnicas
Issue Date: 26-Jun-2015
Abstract: As restingas são ecossistemas associados ao bioma mata atlântica que apresentam fisionomias que se distiguem ao longo da costa, formando mosaicos. Estes ecossistemas, em nível mundial, têm sido alterados há milênios e ainda sofre com as intervenções humanas até os dias de hoje. Estas intervenções causaram diversas alterações que contribuíram para a degradação do meio físico e biótico destes habitats e, em muitos casos, total eliminação da vegetação. As atividades humanas ao longo da costa é um desafio na conservação, preservaçao e restauração destes ambientes que, uma vez degradados, os serviços ambientais são comprometidos e dependendo do grau, pode perder sua funcionalidade, conduzindo a um processo de restauração difícil ou até mesmo irreversível. Nos estados de degradação em que se encontram as restingas, pesquisadores tem se esforçado para criar metodologias eficazes em sua restauração. Por apresentar condições edafo-climáticas específicas, são ambientes que apresentam dificuldade nos processos de regeneração natural e apresentam fragilidade diante das atividades humanas prejudiciais ocorrentes nas costas. São necessárias técnicas eficazes de restauração para este tipo de ambiente, que envolva conhecimentos de ecologia, sejam técnicas, de preferência, baratas e simples de serem implantadas e que possam fazer com que a área retome, o mais próximo possível, sua condição original. Neste trabalho foi feito um levantamento bibliográfico acerca do que tem sido feito no Brasil com relação à restauração ecológica de áreas de restinga, apontando os principais erros cometidos, quais as principais técnicas utilizadas em projetos que obtiveram sucesso, como foram aplicadas e possíveis soluções para problemas que são ainda encontrados. Verificou-se que a maior parte dos trabalhos pesquisados é voltada para áreas não inundáveis com técnicas de plantio direto, apresentando, no geral, resultados bastante positivos para a restauração de áreas degradadas.
URI: http://repositorio.im.ufrrj.br:8080/jspui/handle/1235813/2985
Appears in Collections:TCC - Engenharia Florestal (Seropédica)

Se for cadastrado no RIMA, poderá receber informações por email.
Se ainda não tem uma conta, cadastre-se aqui!

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Monografia_Bárbara_Dias_2009030069_26_06_2015.pdf910,94 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.