Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.im.ufrrj.br:8080/jspui/handle/1235813/2867
Title: Unidade demonstrativa como ferramenta de extensão florestal e agroflorestal na Baixada Fluminense
Authors: Gonçalves, Fernando Lima Aires
metadata.dc.contributor.advisor: Passos, Carlos Alberto Moraes
metadata.dc.contributor.members: Passos, Carlos Alberto Moraes
Leles, Paulo Sérgio dos Santos Leles
Ros, César Augusto da
Keywords: Sistemas agroflorestais
Agricultura familiar
Extensão rural
Issue Date: 1-Jul-2009
Abstract: Este trabalho teve como principal objetivo avaliar as Unidades demonstrativas implantadas pelo Projeto Semeando o Verde: Trabalho, conservação e renda e o enquadramento dos agricultores familiares no PRONAF FLORESTAL, situados nos municípios de Duque de Caxias, Itaguaí e Nova Iguaçu na Baixada Fluminense, no Estado do Rio de Janeiro. A seleção dos agricultores rurais onde foram instaladas as Unidades Demonstrativas (UD) foi com base no Diagnóstico Rural Participativo (VILLA, 2006). Com a realização deste diagnóstico foram selecionados 22 agricultores familiares, onde foi dado um código de identificação para cada um em função do seu município. As 25 UDs instaladas poderiam ser de monocultura, consórcio ou recuperação de área degradada. O sistema e as espécies utilizadas foram definidos em função do interesse dos agricultores e das condições edafoclimáticas da região. Foram coletados dados de altura e circunferência a altura do peito (CAP) dos eucaliptos com idade superior a 30 meses e os eucaliptos com idade inferior a 30 meses apenas foram mensuradas as alturas. As palmeiras tiveram mensurados dados de altura e circunferência a altura do solo (CAS). Para a medição das alturas foi utilizada uma vara graduada de 10 metros e para a mensuração de CAP e CAS foi utilizada uma fita métrica. O enquadramento dos agricultores familiares nos diferentes grupos do PRONAF foi realizado através de dados coletados de origem da renda do agricultor, base de trabalho da propriedade e renda bruta da família. Dos três municípios analisados, apenas Duque de Caxias não apresentou maiores problemas no desenvolvimento de suas UDs, mostrando um maior comprometimento dos agricultores em seguir as recomendações da equipe técnica do projeto em comparação com os outros municípios. Com relação ao PRONAF, apenas 6 agricultores se enquadram nos requisitos, sendo a renda juntamente com a base de trabalho da propriedade rural fatores limitantes para a eliminação dos outros agricultores.
URI: http://repositorio.im.ufrrj.br:8080/jspui/handle/1235813/2867
Appears in Collections:TCC - Engenharia Florestal (Seropédica)

Se for cadastrado no RIMA, poderá receber informações por email.
Se ainda não tem uma conta, cadastre-se aqui!

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FernandoLima.pdf613,57 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.