Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.im.ufrrj.br:8080/jspui/handle/1235813/2816
Title: Crescimento de Eucalyptus urophylla x Eucalyptus grandis em dois sítios florestais
Authors: Paula, Tafarel Rodrigues
metadata.dc.contributor.advisor: Leles, Paulo Sérgio dos Santos
metadata.dc.contributor.members: Leles, Paulo Sérgio dos Santos
Araújo, Emanuel José Gomes de
Silva, Eduardo Vinícius da
Keywords: Capacidade produtiva
Modelagem
Eucalipto
Biomassa
Issue Date: 31-Jan-2014
Abstract: O objetivo deste trabalho foi avaliar e comparar o crescimento de Eucalyptus urophylla x E. grandis, em dois sítios florestais no Município de Queimados RJ, até a idade de cinco anos de idade. Com base nas características de topografia do povoamento de eucalipto implantado no espaçamento 2 x 2 m, foram escolhidos dois sítios para marcação de parcelas permanentes de seis linhas com nove covas de plantio, em cada sítio, caracterizados como os sítio de encosta e sítio de topo de morro. As mensurações foram realizadas a partir do primeiro ano do povoamento com medições de altura de todas as árvores das parcelas. A partir do segundo foram medidos além das alturas, a circunferência a 1,30 m do solo (CAP) de todas as árvores. Também após as medições de altura e CAP, determinou-se, anualmente, a biomassa de quatro árvores, em cada sítio. As curvas de crescimento de diâmetro a 1,30 m do solo (DAP) e de altura, em função da idade, foram construídas por meio de regressões não-lineares e testadas se havia diferenças através do teste de identidade de modelo não-lineares. Foram determinadas equações de volume e biomassa, com valores observados destas variáveis obtidos a partir de 32 árvores cubadas e pesadas ao longo dos quatro anos de amostragem, utilizando-se modelo de Schumacher e Hall. Não foi possível ajustar uma curva de crescimento em altura e em DAP, em função da idade, para as plantas dos dois sítios. Foi possível realizar bons ajustes de crescimento em volume, biomassa de madeira e de casca em função de DAP e altura. De modo geral, constatou-se que as plantas de Eucalyptus urophylla x E. grandis do sítio do topo de morro apresentaram crescimento significativamente superior as plantas do sítio da encosta.
URI: http://repositorio.im.ufrrj.br:8080/jspui/handle/1235813/2816
Appears in Collections:TCC - Engenharia Florestal (Seropédica)

Se for cadastrado no RIMA, poderá receber informações por email.
Se ainda não tem uma conta, cadastre-se aqui!

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tafarel Rodrigues Paula - 200903538-9.pdf3,77 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.