Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.im.ufrrj.br:8080/jspui/handle/1235813/2570
Title: Substratos e adubação potássica na produção de mudas de Peltophorum dubium (Sprengel) Taubert
Authors: Precinoto, Raíza Salomão
metadata.dc.contributor.advisor: Melo, Lucas Amaral de
metadata.dc.contributor.members: Melo, Lucas Amaral de
Silva, Eduardo Vinícius da
Leles, Paulo Sérgio dos Santos
Keywords: Canafístula
KCl
Composto orgânico
Issue Date: 30-Jun-2014
Abstract: Para que a restauração florestal de uma determinada área seja bem sucedida, é importante que sejam escolhidas espécies adequadas para o local, e que sejam implantadas mudas florestais de qualidade. Uma das espécies bastante selecionadas para projetos de restauração na Mata Atlântica é Peltophorum dubium (Spreng.) Taub., que é nativa do bioma, tem comportamento de pioneira e é rústica. Desta forma, o presente trabalho teve como objetivo avaliar a influência de diferentes proporções de esterco bovino e fibra de coco no substrato e a adubação com cloreto de potássio (KCl) em cobertura sobre o crescimento de mudas de Peltophorum dubium. O experimento foi conduzido no Viveiro Florestal Luiz Fernando Oliveira Capellão e no Laboratório de Pesquisas e Estudos em Reflorestamento (LAPER), ambos na UFRRJ, em Seropédica, RJ. Foram testados quatro substratos à base de esterco bovino curtido e fibra de coco acrescidos de adubo de liberação controlada (15-09-12 + Mg, S, Cu, F, Mn, Mo) na proporção de 4 kg.m⁻³ de substrato e foram utilizados tubetes de 110 cm³. Aos 35 dias após a semeadura, o experimento foi esquematizado em Delineamento Inteiramente Casualizado (DIC) em esquema fatorial 4 x 2, utilizando os quatro substratos e duas doses de adubação de cobertura com KCl (presente ou ausente), em quatro repetições e doze plantas por parcela. As mensurações de altura (H), diâmetro do coleto (DC) e as adubações foram realizados a partir deste momento, quinzenalmente, utilizando-se solução aquosa com 4g de KCl por litro, sendo utilizado 5 mL desta solução por planta. Aos 110 dias após a semeadura, momento de expedição das mudas, também foram avaliados outros parâmetros de qualidade das mudas, como o cálculo da relação altura/diâmetro (RHDC), matéria seca da parte aérea, matéria seca radicular e matéria seca total, relação entre matéria seca da parte aérea e radicular (RMSPAR), e índice de qualidade de Dickson. Concluiu-se que o tratamento mais indicado, para se obter maior qualidade das mudas de P. dubium sob todos os parâmetros analisados, seria um substrato com 80% de fibra de coco e 20% de esterco bovino, utilizando a adubação potássica de cobertura.
URI: http://repositorio.im.ufrrj.br:8080/jspui/handle/1235813/2570
Appears in Collections:TCC - Engenharia Florestal (Seropédica)

Se for cadastrado no RIMA, poderá receber informações por email.
Se ainda não tem uma conta, cadastre-se aqui!

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Raíza_Precinoto.pdf1 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.