Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.im.ufrrj.br:8080/jspui/handle/1235813/2255
Title: Relações dendrométricas para a sumaúma (Ceiba pentandra (l.) Gaertn) na Floresta Nacional Mario Xavier, Seropédica, RJ
Authors: Felipe Marauê Marques, Tieppo
metadata.dc.contributor.advisor: Amorim, Hugo Barbosa
metadata.dc.contributor.members: Amorim, Hugo Barbosa
Morokawa, Tokitika
Silva, José de Arimatéa
Keywords: Inventário florestal
Censo
Variáveis dendrométricas
Dendrometria
Issue Date: Aug-2007
Abstract: O presente trabalho foi realizado na Floresta Nacional Mário Xavier, que possui uma área de 493 ha, abrigando em seu interior diversas áreas onde foram plantadas linhas e talhões de espécies nativas. O objetivo deste estudo foi realizar um censo das sumaúmas remanescentes de um talhão de 1 ha plantado em 1947, visando determinar o comportamento das variáveis dendrométricas: diâmetro, altura e forma, além da situação atual da regeneração natural presente no sub-bosque e da localização das sumaúmas remanescentes. De 2500 árvores plantadas inicialmente, 2308 (92,32%) morreram, restando apenas 197 (7,68%) vivas, das quais 17 encontram-se quebradas. Foi possível identificar que uma parte desse talhão foi suprimida devido à instalação de uma linha de transmissão. As distribuições das freqüências dos diâmetros e das alturas evidenciam a ação do tempo e da falta de manejo sobre o comportamento das mesmas. A relação entre essas variáveis, descrita por um polinômio do segundo grau apresentou um R2 = 0,67. a forma, avaliada através dos fatores de forma comercial e total apresentaram valores baixos se comparados com outras espécies de nossa flora nativa, oscilando de 0,2 a 0,5 para comercial e 0,3 a 0,6 para total. Na regeneração, foram identificadas 16 famílias, 20 gêneros e 16 espécies diferentes, num total de 196 indivíduos, com predominância significativa das espécies arco de pipa e carrapeta. No croqui esquemático foi possível ver que a maior parte das árvores do talhão localiza-se na parte alagável do terreno, o que é muito típico da sumaúma. Medidas de manejo são recomendadas para garantir melhores condições de sobrevivência das árvores remanescentes que apresentam bom desenvolvimento.
URI: http://repositorio.im.ufrrj.br:8080/jspui/handle/1235813/2255
Appears in Collections:TCC - Engenharia Florestal (Seropédica)

Se for cadastrado no RIMA, poderá receber informações por email.
Se ainda não tem uma conta, cadastre-se aqui!

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Monografia_Felipe_Maraue_marques_Tieppo.pdf6,07 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.